terça-feira, setembro 05, 2006

E não é que funcionou?

A propósito daquele meu post sobre o Gonçalo Cadilhe, vi na net um link que dizia qualquer coisa como fale com o autor.
Mandei um mail, e passados 3 dias tive a resposta. Directamente do Congo, a meio de uma enorme viagem pelo continente africano, ele próprio, do seu mail pessoal respondeu-me. Não era um mail da editora, não era um mail daqueles automáticos que programamos quando vamos de férias, era dele e de lá. Com agradecimentos, piadas e tudo.
Revelei-lhe a ENORME INVEJA que tinha da profissão dele, embora confesse que o continente africano é o que tenho menos pressa de conhecer.
Soube que ultima crónica já foi escrita em Angola, fico agora a guardar mais um livro.
Boas viagens!

3 comentários:

Anónimo disse...

Ola, verifiquei que conseguio enviar um e-mail a G. Cadilhe, eu ainda não descobri como fazer será que me pode dar uma ajuda ??

Anónimo disse...

Desculpa mas esqueci de lhe dar o meu endereço de e-mail - ebayan@sapo.pt
Erika

Lita disse...

Basta ir ao site da oficina do Livro e escolher 'fale com o autor'.