quarta-feira, março 04, 2009

Fazia anos hoje.
E nunca estava triste por fazer mais um ano.
Estava sempre feliz, por tudo.
E dizia sempre que era um sortudo.
Sempre.

Mas, mal sabia ele que os sortudos éramos nós.

Sem comentários: