segunda-feira, junho 30, 2008

Estive algum tempo sem escrever, mas depressa chego à conclusão que num mês poucas coisas acontecem.

A registar:

Os Santos Populares - é sempre bom ir matar saudades do Arraial, é sempre bom ir dar uma ajudinha, é sempre bom o stress, o 'está quase tudo pronto', o 'acabaram as sardinhas e comprámos o dobro do ano passado' (nunca vou entender!), mas o melhor de tudo é sem dúvida, quando todos se vão embora (menos uma meia dúzia de bêbados que tem que ser sempre expulsa) e ficamos só nós, sujos e cansados, até às tantas naquelas mesas ao ar livre a lembrar os acampamentos. Obrigada.

O Euro - ah, não afinal deste assunto não há nada a registar.

A inauguração de um mercado especial, com um gostinho especial, e um dedo meu. Quando o site estiver a funcionar revelo. Quanto à loja, já abriu a 1ª, perto da loja do cidadão, prometem-se mais, no Chiado e na Expo, pelo menos.

A 1ª visita oficial cá a casa dos quadrigémeos e dos super papás. Quatro cadeirinhas, quatro biberons, quatro babetes, quatros fraldinhas, tudo vezes quatro, uma tarde cheia. Uma lição para todos, na descontração, na felicidade e na difícil tarefa que foi para todos chegarem até aqui.

Sem comentários: